Pular para o conteúdo principal

'Veredicto' ou 'Veredito'?

As duas formas são corretas e aparecem como sinônimas no Houaiss, em edição recente. Ambas já estão registradas no Volp, da Academia Brasileira de Letras.

Veja aqui a postagem original, de 2007, com as correções:

A primeira forma é a correta. “Veredicto” é uma palavra de origem latina e seu significado ao pé da letra é “verdadeiramente dito”. Segundo o “Houaiss”, “veredicto” é a decisão do júri, ou de qualquer outro tribunal judiciário, acerca de um processo. A palavra “veredito” não existe. Um caso contrário a esse e que gera muita confusão é o da palavra “aficionado”, que é sem o “c”. Portanto, é incorreto dizer “aficcionado”.

(post atualizado em 18/10/2017)

Comentários

Matheus Zicca disse…
Muito bom! obrigado.
Leiliane Pereira disse…
Acabou de tirar minha dúvida. ;)
Isso está desatualizado. O Houaiss hoje traz veredito como sinônimo de veredicto. As duas formas existem e são sinônimas.

Postagens mais visitadas deste blog

A todos ou à todos?

A primeira forma é a correta, sem crase. Relembrando, a crase marca a fusão do artigo “a(s)” com a preposição “a”. A palavra “todos” é um pronome indefinido plural e significa todo mundo, todas as pessoas. Como os pronomes não são acompanhados de artigos, aquele “a” que tem antes de “todos” é somente preposição, portanto, sem crase.

‘Idéia de girico’ ou ‘idéia de jerico’?

A segunda forma é a correta. Apesar de não se aproximar tanto da fala como “girico”, palavra inexistente na língua portuguesa, jerico significa asno, jumento. No entanto, na fala é usada principalmente com o sentido de tolo, imbecil, estúpido – e pode ser dito a pessoas e coisas. Exemplo: “Ele sempre tem idéias de jerico”.