Pular para o conteúdo principal

Ainda a fotinho

Na coluna anterior, mostrei como se faz os diminutivos de algumas palavras para esclarecer a dúvida que muitas pessoas recentemente têm tido: fotinho ou fotinha?
Como dito, a regra da língua portuguesa na norma culta mostra que a formação correta do diminutivo é no masculino – fotinho.
No entanto, não podemos desconsiderar que a fotinha está na fala da maioria da população.
Os falantes fizeram o diminutivo e consagraram a forma “fotinha”, mas é importante não misturar o que acontece na língua falada do dia-a-dia da população com as regras da norma culta.
“Fotinha” não é errado no contexto informal da fala, mas é, sim, errado na língua padrão – que é a variante da língua portuguesa prestigiada pela comunidade, usada oficialmente pelo governo, pela mídia, pelas escolas e empresas etc.
Não são duas línguas diferentes, são duas variantes da mesma língua. O importante é saber em que contexto usar cada uma delas; isso vale para fotinha e fotinho.

Comentários

Mas daí ficaria O fotinho?
Sendo que a palavra "mãe" seria A foto?
Telma Iara disse…
Fica a fotinho, Elisa. Estranho, né? Por isso que nossa tendência é colocar o "a" no fim de "fotinho", para ficar menos estranho dizer "a fotinha".
É "a foto" e não "a fota", por isso o mais "lógico" é se usar "fotinho".
Ju Santos disse…
Nossa, estranho é usar "fotinha". Sério, eu fico muito irritada com essas coisas de "criar" palavras, "palavras na fala pode". Aaah para, português é português, não me vem com essas desculpas pra falar errado. Por isso é por muito mais que é complicado viver aqui.
Fanfa disse…
Mas foto é diminutivo de fotografia. Fotinha seria mais correto. Brasileiro gosta de inventar. O português verdadeiro é o de Portugal. Parem de inventar regras.
reggae disse…
Fanfa ,foto nao é o diminutivo de fotografia ,e sim abreviaçao ,diminutivo seria ,fotografiazinha ,portanto ,é a fotinho sim ,se nao seria a fotA? ahhahaha
Dioline Colares disse…
Então, pela lógica dessa regra, o correto seria "A motinho"?

Postagens mais visitadas deste blog

A todos ou à todos?

A primeira forma é a correta, sem crase. Relembrando, a crase marca a fusão do artigo “a(s)” com a preposição “a”. A palavra “todos” é um pronome indefinido plural e significa todo mundo, todas as pessoas. Como os pronomes não são acompanhados de artigos, aquele “a” que tem antes de “todos” é somente preposição, portanto, sem crase.

‘Idéia de girico’ ou ‘idéia de jerico’?

A segunda forma é a correta. Apesar de não se aproximar tanto da fala como “girico”, palavra inexistente na língua portuguesa, jerico significa asno, jumento. No entanto, na fala é usada principalmente com o sentido de tolo, imbecil, estúpido – e pode ser dito a pessoas e coisas. Exemplo: “Ele sempre tem idéias de jerico”.